Ibovespa fecha no vermelho, com queda de 1,40%

  •  
Ibovespa fecha no vermelho, com queda de 1,40% Foto: Divulgação

O Ibovespa, principal indicador de desempenho das ações negociadas na B3, fechou o dia em queda, perdendo o patamar dos 100 mil pontos. O índice recuou 1,40% e somou 99.605,54 pontos, com um volume financeiro de R$ 24,474 bilhões.

A bolsa de São Paulo terminou a terça-feira, 27, com a terceira baixa seguida, após ter chegado a superar os 102 mil pontos na semana passada. Os receios sobre o aumento de casos de Covid-19 no exterior tomaram as atenções, além da realização de lucros e dos balanços corporativos, com Santander negativo na linha de frente dos bancos.

Dentre os papéis que compõem o Ibovespa hoje, os que fecharam com as maiores altas foram: Localiza, com alta de 3,66%, Raia Drogasil, alta de 1,99%, e Gerdau PN, que terminou com ganhos de 1,98%.

Já as ações que mais se desvalorizaram foram: Embraer, queda de 8,74%, Cogna, recuo de 4,33%, e Via Varejo, baixa de 7,05%.

A ações mais negociadas no pregão foram as do Bradesco (-1,46%), Itaú Unibanco (-2,32%) e Via Varejo (-7,05%).

(Redação - Investimentos e Notícias)